Todos os direitos reservados. Copyright ©2014-2019.

  • Facebook Reflexão

Siga-nos no Facebook e no Instagram

Encontros de Brincar

May 29, 2019

Para celebrar o tema da Semana Mundial do Brincar 2019 e os 10 anos da SMB no Brasil, nosso filantropo Eduardo Agualuz escreve um singelo artigo sobre o brincar, o abraço e a diferença na nossa sociedade

 

 

Eduardo Agualuz* 

REVISTA ESTAÇÕES

 

Saúdo a “Aliança Pela Infância” por celebrar três dos principais pilares da natureza e que sustentam a nossa própria humanidade: o brincar, o abraço e a diferença. Em tempos os quais a sociedade, em sua plena organicidade, acumula uma triste série de experiências e episódios destituídos de qualquer intencionalidade de verdadeira inclusão e comunhão com o outro - num trágico fomento à segregação, encontrar a felicidade do brincar num abraço nos revigora em corpo, mente e alma.

 

Lembro-me que durante os anos 90 - última década pré-exposição digital, a brincadeira ainda era uma “expressão de ser no mundo”. Construir, revirar, remexer, correr livre em campo aberto prestes a mergulhar na grama ou deslizar em carrinhos de rolimã no asfalto "esfumaçado", nos orientava tal qual as constelações guiavam os navegantes outrora em mar aberto.

 

O tempo era marcado por estações, sendo o verão a mais importante delas. Éramos grupos, bandos, matilhas de filhotes emboladas em disputas, jogos ou apenas conversas até a tarde cair, numa somatória de cantos e rodas; e de contar de histórias, olhando ao céu o sol, a lua e as estrelas, ao tempo do desanuviar das nuvens e de um misturar de cores regionalizadas.

 

Há léguas do saudosismo, felicito a diferença que nos une, enriquece-nos e nos situa no bojo da existência do nosso ser e do nosso existir no mundo. Recontos de um brincar ancestral e sacralizado.

 

Parafraseio a famosa frase da psicoterapeuta norte-americana, Virginia Satir, e afirmo que “precisamos de 4 abraços por dia para sobreviver, 8 abraços por dia para nos manter e 12 abraços por dia para crescer”.

 

Felicito nosso encontro e desejo que a Semana Mundial do Brincar siga nos proporcionando abraços e brincadeiras, na certeza da beleza e da celebração das nossas diferenças, espelhadas e esperançadas em uma infância viva para todos nós.

 

 

 

*Eduardo Agualuz é bacharel em Jornalismo pela Universidade de Mogi das Cruzes (UMC), especialista em Tendências da Comunicação Digital pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), especialista em Investimento Social Privado pelo Instituto para o Desenvolvimento do Investimento Social (IDIS) e pós-graduado em Didática e Metodologia do Ensino Superior pela Escola Paulista de Negócios (EPN). Educador há 22 anos, é vencedor do Troféu Paulo Freire, o Prêmio da Educação (1999), e filantropo da Fundação Euzébio Leandro.

 

 

Revista Estações. Todos os direitos reservados. Copyright ©2014-2019.

Nenhum texto pode ser reproduzido sem autorização da Fundação Euzébio Leandro.

Please reload

Featured Posts

Encontros de Brincar

May 29, 2019

1/9
Please reload

Recent Posts

April 6, 2015

February 7, 2015

December 22, 2014

November 14, 2014

Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags